• contato@superconconcreto.com.br
  • (14) 3281-3838
mercado-da-construção-civil-em-crescimento

Setor da construção gerou 17.270 novos empregos em junho, segundo Caged

Conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pela Secretaria de Trabalho da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, o setor da construção civil gerou 17.270 novos empregos em junho no País, o melhor resultado desde fevereiro, quando 25.837 novas vagas haviam sido criadas. Foram registradas 113.162 admissões e 95.892 desligamentos.

(mais…)

Leia Mais
antonio_cruz_casa_popular

Confiança da construção recupera em maio e junho parte das perdas de março e abril

O Índice de Confiança da Construção (ICST), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV Ibre), subiu 9,1 pontos em junho e atingiu 77,1 pontos. É a maior variação positiva da série histórica e o segundo mês seguido de recuperação. O indicador de maio e junho conseguiu recuperar 43% das perdas ocorridas em março e abril por causa da pandemia de covid-19.

(mais…)

Leia Mais
construcao-civil-acelera-ritmo-em-2020-1581429306

Setor da construção civil está apreensivo com os rumos dos negócios

Os setores de construção civil e do mercado imobiliário apostam que serão fundamentais para a retomada da economia no pós-pandemia. Por injetarem recursos e gerarem empregos, rapidamente, para mão de obra sem qualificação, têm potencial de absorver parte dos desempregados e fazer a roda do consumo girar. Contudo, temem que os projetos de lei  que tramitam no Congresso Nacional, de proteção aos inadimplentes, tirem a capacidade de investimento no setor.

(mais…)

Leia Mais
Construção-civil_Kwangmoozaa_Istock-930x620

Após crescerem em março, vendas na construção civil caem 40% em abril

A crise do novo coronavírus interrompeu o ciclo de recuperação do setor da construção civil, que é um dos principais empregadores do país. Pesquisa divulgada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Cbic) explica que o setor estava crescendo até março deste ano, mas já calcula um baque de quase 40% nas vendas em abril. Por isso, 79% das construtoras pretendem adiar os próximos lançamentos imobiliários.

(mais…)

Leia Mais