Apesar de muita gente saber que tanto o concreto como o cimento são materiais indispensáveis para a construção civil, nem todo mundo consegue dizer qual é a diferença que existe entre os dois. De acordo com o site Today I Found Out, em termos gerais, a palavra “cimento” serve para designar qualquer substância utilizada para manter vários materiais juntos.

Já a palavra “concreto”, por outro lado, se refere a uma mistura de materiais — como areia, cascalho e outras pedrinhas — que pode ser combinada com água ou qualquer tipo de cimento. Em outras palavras, o concreto é a estrutura resultante da mistura do cimento e outros materiais, enquanto o cimento é apenas um dos ingredientes que fazem parte da receita.

Cimentado no tempo

Outra coisa que nem todo mundo se dá conta é que o cimento vem sendo utilizado como aglomerante há milênios, e ninguém sabe dizer exatamente quando ele foi inventado. Existem evidências de que essa substância era usada pelos antigos macedônios, embora ela tenha sido popularizada mesmo durante o Império Romano, quando os romanos a usavam para construir incríveis estruturas — muitas das quais continuam de pé!

Uma das formas mais antigas de cimento criadas pelos romanos consistia em uma mistura de cinzas vulcânicas e cal. Hoje em dia, entretanto, esse material normalmente apresenta duas formas: a hidráulica e a não hidráulica. A primeira forma se refere a qualquer tipo de cimento que precisa da adição de água para dar início à reação química que endurece a mistura e também a torna resistente à água.

Concretando

Você já deve ter ouvido falar no cimento Portland, não é mesmo? Esse material é o mais comum hoje em dia, e graças à sua alta resistência e ao curto tempo de secagem, é ideal para ser usado na fabricação de concreto. Como mencionado anteriormente, o concreto consiste de uma mistura de cimento e outros materiais, sendo que aproximadamente entre 60% e 75% dessa mistura são compostos por agregados, como pedrinhas, areia e até concreto reciclado.

A escolha dos agregados depende do uso que será dado ao concreto, mas, graças às suas características — como durabilidade, resistência ao fogo e à agua, baixa manutenção e impacto ambiental —, as possibilidades são praticamente ilimitadas. Tanto que não é à toa que ele se tornou o material mais largamente usado pela humanidade em todo o planeta.

Fonte: http://bit.ly/2MhW3Ib.